Pixel ID
Question Everything .is/listening

Sexo na deficiência motora

uma conversa aberta e natural

Vamos falar de sexo na deficiência? Vamos. Uma pessoa com deficiência tem direito ao prazer e a uma vida sexual. Tem, claro. E assim vai começar.

META Filmes

Sexo na deficiência motora, questões que nos passam ao lado

Sexo na deficiência motora? Vamos assumir os nossos preconceitos. Quando pensamos em pessoas deficientes acorda em nós a imagem do “coitado”… ou porque não se consegue mexer, porque não é autónomo, porque depende, porque não é capaz.

E é sempre com esse preconceito que olhamos para um deficiente. Escusamos de dizer que não.

Pensamos poucas vezes nas questões de acessibilidade até ao dia em que a nossa normalidade é afectada. Carrinhos de bebés, passeios e obstáculos? Sim, nesse momento somos solidários. Torcemos um pé e custa a andar, idem. Um braço ao peito? Mas a vida é muito mais que isso.

Vamos falar de sexo?

O Vitor Hugo Costa da Metafilmes lança-nos um desafio. “Quero fazer um documentário sobre a sexualidade na deficiência motora. Ajudam?”. E depois de nos contextualizar, aceitámos o desafio.

Pode uma pessoa com deficiência ter uma vida sexual activa? Desliguemos os preconceitos. Pode e deve e precisa tanto como qualquer outra pessoa. A deficiência motora não elimina o desejo e a necessidade sexual. É o nosso lado mais físico e carnal, é igual para todos. E é esse o caminho do documentário.

Identidade visual e teaser

Não podemos dizer muito mais para já. Apenas que criámos a primeira identidade do projecto e as primeiros motion graphics, que integram o teaser que será apresentado a concurso. Mas que estamos a torcer para ser aprovado e passar à próxima fase, lá isso estamos.

Deixamos para já as duas animações que podemos mostrar, só para aguçar o apetite.

Brevemente, num canal perto de si

Quando for permitido mostramos o trailer e daremos mais notícias do projecto. De resto já sabem, qualquer coisa, é perguntar.